domingo, fevereiro 13, 2005

Conversas, Cerejas e Piadas Secas

Vou dar mais um contributo para a análise das condições em que surge uma piada seca. Para preservar o anonimato dos envolvidos, as duas pessoas serão designadas por uma letra escolhida aleatoriamente.

A - Tem cuidado com os meus arranques neste carro. Tem uma embraiagem muito esquista, e como não estou habituada a conduzi-lo, às vezes sai-me mal.
R - Pois, pois, és mas é azelha. Isso comigo nunca acontece.

[5 minutos mais tarde, A deixa o carro ir abaixo]

A - Ficaste feliz?
R - [enters bullshit mode]Fico feliz, mas é por estar contigo[exits bullshit mode]. Saí-me bem?
A - Nem por isso.

[A dá um arranque potentíssimo]

R - Eh lá, mas ela dá-lhe.
A - Tens é inveja.
R - Inveja de quê?
A - Do meu fabuloso carro. Querias era ter um igual.
R - Não. Eu tenho uma ligação afectiva com o meu.
A - O teu Twingo verde? Ias sentir muito a falta dele?
R - Não, ele é que ia sentir falta de mim.
A - Pois, o meu Honda também sente a minha falta. Quando eu chego, no fim-de-semana, bem vejo como ele está.
R - Mentirosa. O carro não gosta de ti.
A - Então porquê?
R - Porque quando tu o conduzes ele vai-se abaixo.

E foi esta a punchline.

P.S: Cumpri mais um sonho de vida, que é começar um post enumerando três coisas que não têm nada a ver, separadas por duas vírgulas e um "e".

7 comentários:

RedScout disse...

Oh pá... Escusavas de andar a roubar ideias aos outros... essa das letras aleatórias é minha... Agora fiquei chateado.

lagrymapreta disse...

Eu não sei, eu não estava lá para ouvir ou participar na conversa, mas não me parece que tenha sido nada assim...
Não me parece que o sujeito A tenha dito "o meu HONDA", acho também que A terá dito que o HONDA reservava um miminho especial para o fim de semana e, finalmente, palpita-me que o outro sujeito terá dito "não me parece que o
HONDA tem saudades tuas porque quando está contigo vai-se abaixo."

Reforço que estou apenas a especular porque, na realidade, eu não vi nada, não sei de nada e não conheço ninguém....

RJT disse...

redscout: eu juro que quando estava a escrever nao me lembrei disso. Peço desculpa.

lagrymapreta: pois, se calhar tens razão. Eu também não estava lá, não sei.

RedScout disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
RedScout disse...

Aproveito este post para fazer meus os desejos da Ana Lamy para este dia dos namorados. Gostava de pedir a todos os namorados que não se esquecessem das suas namoradas e lhes ofereceram lindas prendas, como por exemplo umas plaquinhas. Mas se gostam mesmo das vossas namoradas, ofereçam uma maior...

Ando a enganar-me muito ultimamente, acho que preciso de férias...

RJLouro disse...

Só quero acrescentar que um Honda que se vai abaixo é também conhecido como "O mar está flat"

RedScout disse...

Não concorco. Se um Honda vai abaixo é porque chegou à praia. Quando o mar está flat é porque não há Hondas.