quarta-feira, abril 13, 2005

Feliz ano novo!

Espero que tenham passado uma boa passagem de ano. Pois é, um ano novo, tempo de reflectir sobre o ano que acaba, de reflectir sobre o que se quer no futuro. Enfim, tempo de fazer um balanço da nossa vida.

Quero desejar a todos um feliz ano de 24 D.Z. (Depois de Zarroba)!

22 comentários:

HeroOfTheDay disse...

Que ideia brilhante! Vejam o counter. A partir de hoje acho que devíamos contar assim. Até podíamos inventar nomes de meses... ou não... Tipo, um mês seco tinha 10 dias: duque, terno, quadra, quina, sena, Dama, Valete, Rei, Manilha e Ás, e os meses eram 5: Paus, Ouros, Copas, Espadas e Sem Trunfo (como no Bridge)... E assim, hoje seria Duque de Paus de 24 D.Z.

RedScout disse...

Estás misturar duas coisas: a sueca com o bridge. Ou ficas-te pelos 4 meses ou tens de acrescentar o oito, o nove e o dez e alterar a ordem dos 13 dias.

zarroba disse...

Realmente nunca tinha pensado nesses termos... Mas acho que só daqui a uns anos é que o tempo vai começar a contar assim e mesmo assi só numa pequena ilha do Pacífico. Espero que a história não se repita porque se não só tenho mais 9 anos de vida....

TRAlves disse...

Parabéns sr.Zarroba!

Já agora, podes estar descansado! Eu nunca vou deixar que te façam mal! (hum... estranho... está ali um galo a cantar 3 vezes e já é dia há muito tempo...).

RedScout disse...

TRAlves, estás a querer roubar o lugar de quem? O Pedro sou eu...

Gabriel_MM disse...

Eh gaita, não tenho conseguido comentar. Logo agora, que a despromoção me deu ganas de vingança. Atendendo a esta nova era, digam-me lá... alguém quer ganhar umas moeditas de prata? Trazei-me esse Zarroba. Ou apenas a sua cabeça, que eu estou feito uma Salomé (eh pá, espero que isto não suscite dúvidas de "orientação" a meu respeito...)

RJT disse...

Caro Gabriel, aqui não há ninguém que faça de Judas! Numa nota totalmente não relacionada, vá ver o seu email...

PS: a impotência blogal é um problema que tem afectado muitos membros deste blog... E posso apenas imaginar que muitos outros sofram em silêncio. A todos os que sofrem edste problema: não desesperem!

TRAlves disse...

Gabriel, não percebi essa história da Salomé. Não querias antes dizer Herodias, a que pediu a cabeça de João num prato?

RedScout disse...

Há 5 ou 6 comentários atrás estava uma sugestão. Eu deixo outra, não que tenha a ver directamente com as piadas secas mas em concreto com o blog e que é por data nos comentários. É que neste momento só aparece a hora...

Gabriel_MM disse...

Ah, meu caro Sr. TRalves, "Herodias", "Salomé"... os nomes são descrições simplistas para realidades complexas (Isto será tido como uma piada seca?). Não se esqueça que estamos a falar de um (cinquenta e tal, digo) livrinho que, entre outras coisas, inventou (ai, se calhar usei o verbo errado!) a torre de babel. É natural que ninguém se entenda. Esta Salomé, personagem bíblica, aparece aqui segundo a narração de Oscar Wilde, em obra homónima. Ou pela inspiração da ópera homónima de Richard Strauss (notável, diga-se...), que segue a mesma inspiração. No fundo, essa "menina Salomé" era uma maluca. Se ainda fosse viva, ía à noite para o clube de Raguebi (se este ainda fosse vivo, também), e acabava a noite a fumar ganzas no jardim da associação. Noutros tempos, a malta divertia-se com cabeças em bandejas de prata... mudam-se os tempos, mudam-se as vontades!

HeroOfTheDay disse...

É uma boa sugestão de facto. Tentei resolver o problema (acho que é mesmo um problema) mas não é fácil. Porquê? A tag que estamos a usar é <$BlogCommentDateTime$>, mas ao contrário do que o nome sugere, isto não cospe a Data E o Tempo mas apenas o Tempo... Já enviei um mail a reclamar :)

Gabriel_MM disse...

Caro RJT: já fui visitar o meu e-mail. O meu ex-colega de trabalho mandou-me umas imagens de uma boazona com curtíssima lingerie azul bebe (que vai desaparecendo de imagem para imagem). Não sei se era a essa novidade que se referia. Tinha também, no supra-citado mail, notícia de uma despromoção infringida à minha pessoa. Tenho a dizer-lhe que jamais perdoarei esta infâmia. Conhecerei uma cólera titânica. O mundo será pequeno para albergar tamanho desejo de vingança. Eu não merecia isto. Não merecia... não vos perdoo... e mais: se eu descubro onde são as vossas instalações, tranco-me na vossa casa-de-banho, e ameaço fazer explodir aquilo tudo!

RedScout disse...

Sr. HeroOfTheDay: conheço blogs que têm também a data... posso tentar saber qual a tag.

Sr. Gabriel_mm: Lingerie azul bebé? Qualquer outra cor me deixaria quase indiferente a esse comentário mas... azul bebé? É simplesmente a cor que me deixa totalmente doido. Com essa cor elas até ficam mais bonitas...

RJT disse...

Eu sabia que havia qualquer coisa... Isto de ser irmão de um profeta também dá poderes. Devo, no entanto, fazer um disclamer: não matem o mensageiro.

RJLouro disse...

Atão e piadas secas?

RedScout disse...

Sinceramente, acho que hoje não é dia de Ano Novo. Tu estás em 2005 DC mas o Cristo não nasceu a 1 de Janeiro.
Além de que tem de haver sempre um desajuste, por isso eu diria que estamos a 13 de Abril de 17 DZ ou 18 DZ, nunca mais.

RJT disse...

Ontem foi dia de Ano Novo, 13 de Abril de 24 D.Z. Primeiro, por que raio é que o ano novo há-de começar no dia 1? O ano muda de 12 para 13, e mai nada. Segundo, o Jizas não tem nada a ver com o assunto. O nosso século começou com o nascimento do Mestre, e mai nada. Terceiro, quando é estabelecida doutrina nesta religião, é usada a expressão "e mai nada", e mai nada.

Declaro assim encerrado o Concílio de Seco. E mai nada.

RedScout disse...

A noite de ontem até foi bastante molhada...

RJT disse...

Ah, e outra coisa. Antes que alguém venha dizer que se o século começou com o nascimento do Mestre, logo o ano 1 ocorreu durante o seu primeiro ano de vida, e, portanto, este seria o ano 25, essa não cola. É que nós já conhecemos o 0.

RedScout disse...

Este não é o ano 25, mas sim o vigésimo quinto ano.

RJT disse...

Exactamente. Sim, porque, ao contrário de certas civilizações, nós mudamos de milénio de 1999 para 2000...

RedScout disse...

Não necessariamente... Eu acho que houve um erro a certa altura da nossa existência.
Nós não estamos no ano 2005 mas sim no 2005º ano... ou não...