segunda-feira, agosto 22, 2005

A importância da Gramática

Pois é, uma maiúscula é diferente de uma minúscula. Exemplo:

"A Naval estreou-se na primeira liga com Vitória"
"A Naval estreou-se na primeira liga com vitória"

Eis a minha singela homenagem a essa clube cheio de história. Ainda me lembro quando, em 1997, ardeu a sede do clube, levando inúmeros troféus conquistados pelo clube...

3 comentários:

HeroOfTheDay disse...

Enquanto antigo atleta desta colectividade e seu fã incondicional, agreadeço a homenagem. Também gostaria de dizer que "essa clube" fica um bocado esquisito. Mas podia ter sido pior... Podias ter dito "o Naval", caso no qual obrigar-te-ia a deixares a minha irmã.

Em segundo lugar, queria dizer-te que não é preciso tanta graxa. O que se passa entre ti e a minha irmã não me diz respeito (reparem na subtil contradição entre este parágrafo e o anterior).

Em terceiro lugar, queria dizer que no dia do incêndio, em Julho de 97, eu tinha treino marcado para o velhinho Salão da Naval, algumas horas depois de aquilo tudo ter começado a arder. Isto significa que já não houve treino, porque não havia campo, embora nós quiséssemos treinar na mesma, ou não... Também significa que eu podia ter morrido nesse dia, o que teria sido uma grande tragédia para mim em particular e para o Mundo em geral.

No dia a seguir ao incêndio, a minha equipa partiu para Sangalhos, onde, no mesmo fim-de-semana, conquistou o primeiro troféu pós-incêndio da Naval 1º de Maio, a mesma cujo futebol está hoje na SuperLiga.

Finalmente, deixo aqui um link para aquilo que é a coisa mais parecida com o site oficial da Naval que existe até hoje na Net: http://figueira.net/naval/

Chamo a atenção para o portal espectacular que é o figueira.net, sobretudo porque é tudo obra de uma só pessoa, que o faz por gosto, um Senhor chamado António Cruz, conimbricense, por sinal.

RJT disse...

Uma pessoa que é da Académica compreende o drama que é as pessoas tratarem todos os clubes por "o". Provavelmente foi com esse espírito que me enganei com clube.

Quanto ao resto, vejo que mais uma vez não tive sucesso na tentativa de usar a ironia. Dava um sketch: o homem incapaz de usar figuras de estilo. Por falar em figuras de estilo, o 50 cent vem a Portugal.

Gabriel_MM disse...

Ora, a Naval tb é um clube do meu coração. Estive quase a ser seu atleta, mas escangalhei o joelho todo (o que aumentou o meu sucesso com as miúdas, que passaram a dar-me mimos, em vez de torcerem por mim), e passei à condição de aleijadinho que só pode jogar contra os casados, um domingo-de-verão por ano. E como tal, merece os meus parabéns pela vitória, claro. Como a Académica, pelo empate que me deu uma dupla satisfação. Ah, não fosse o perú do Ricardo, e tudo tería sido perfeito...