segunda-feira, janeiro 23, 2006

E por falar em secas

Da conversa chegou-se à seguinte piada seca:

Estavam dois tomates à beira de um precipício. Diz um deles:
-Olha um precipício!
Responde o outro:
-Oooooooooooooooooooooooooooooonnnnnnnnnnnnnnddddeeeeeeeeeeeeeeeeee


Chegou-se a esta vindo de:

Estavam três submarinos a jogar às cartas, quando passou um ovo estrelado a comer um pão com chouriço. Um submarino perguntou se ele não queria jogar também. Respondeu o ovo:
-Eh pá, não posso. Tenho que ir cortar o cabelo.


Esta conversa começa com o seguinte diálogo:

-Era fixe era termos uma bola da Micasa.
E digo eu:
-Ou Sucasa. Sim, porque Micasa es Sucasa.

4 comentários:

TRAlves disse...

Podem mandar para trás o desfibrilador (na minha primeira tentativa de escrever esta palavra saiu "desfribilizador").

O blog está vivo!

(foco de luz intensa neste post, com cânticos anjelicais)

HeroOfTheDay disse...

Sim, mas tenham lá cuidado. Ora não sai nada ou saem 3 de uma vez. Estas mudanças de ritmo bruscas são prejudiciais à saúde. Pelo sim pelo não, mantém a máquina de re-animar à mão...

RJT disse...

Estas conversas da cantina para o local de trabalho estão a tornar-se produtivas outra vez. A semana passada fez-se um argumento para um filme...

TRAlves disse...

É bem verdade... (ver post acima).